villain / vilão
in

Diferenças

Sabes a diferença, meu amor, entre ser e estar?
Como passámos do que fomos ao que somos. A partir de que momento nos tornámos nós e deixámos de estar sós.
Sabes a diferença entre a sede e o consolo, entre a fome e a saciedade? Ainda te lembras como distinguir entre a vontade e o desejo, o vazio de perder e a felicidade de encontrar.
Sabes ainda, meu amor, distinguir entre os beijos meus e os beijos teus?
O tempo fez-nos outros. O tempo, ora leve, ora pesado, foi tempo e deu-nos tempo para continuarmos a fazer o nosso próprio tempo e forma intemporal. Parece que nunca tanto, meu amor, passou em tão pouco tempo.
Ainda te lembras, meu amor, de fecharmos os olhos e vermos como seria o mundo?

villain / vilão

Penedo

Duas canecas

Hoje acordei com vontade de me levantar