in

Partia de um pensamento vazio

villain / vilão

Partia de um pensamento vazio, para um universo cheio de nada
Num café decorado a frio, meio de clientes de expressão velada

Tomaria o autocarro ou a nave espacial? partiria pelo seu pé
Por entre ruas e estrelas; fenomenal! viagem de procura da fé

Assalta a dúvida a cada esquina, para lá ou por aqui?
Ainda me lembro dela tão pequenina, papá: chichi

E ele mais crescido por dentro, mas por fora sempre menino
Solta tantas palavras ao vento, para mudar o mundo viperino

São tantos os sóis e tantas as luas que nos cruzam o olhar
Tantos os passos por tantas ruas que me canso de andar

E lá ao fundo ela aparece, em lampejos de Diana e Atena
Um farol no mundo que guarnece o reino da fantasia plena

villain / vilão

A Folha Branca

villain / vilão

Passa um homem…